Você está aqui: Página Inicial / Pastoral / Alimento de Fé / ALIMENTO DA FÉ - 14/12/2018 - Quem é que vem?

ALIMENTO DA FÉ - 14/12/2018 - Quem é que vem?

“Diante disto, os escribas e os fariseus começaram a cogitar: “Quem é este que profere blasfêmias? Quem tem poder para perdoar pecados, a não ser somente Deus?”. Lucas 5: 21.
ALIMENTO DA FÉ - 14/12/2018 - Quem é que vem?



Leia Lucas 5: 17 – 26.


Exercitando nossa fé diariamente na pessoa de Jesus, e observando Suas Palavras, com certeza não apenas desfrutaremos do Seu amor, mas teremos forças para prosseguirmos mesmo nos momentos em que tudo parece dizer: “não vai dar”. 


No momento que antecede o Natal, podemos perceber como sendo uma oportunidade da manifestação da graça de Deus. Não entrando na questão histórica do dia e do momento exato do nascimento de Cristo, mas no fato de que Ele veio. 


Uma das principais mensagens do Advento é remover todos os obstáculos e estabelecer um caminho reto para o Senhor que está vindo (para nós já veio). Isso foi exatamente o que o paralítico e seus amigos precisaram fazer. 


Há tantos obstáculos em nosso caminho também, mas precisamos nos dispor a enfrentá-los tendo como objetivo nos aproximarmos de Cristo. Mas para um cristão, nenhuma barreira é intransponível. Tudo o que precisamos é acreditar verdadeiramente, confiar em Deus e não desistir, mesmo que um pouco de esforço seja indispensável. Com certeza, na presença de Jesus nós veremos milagres porque Deus o Pai continua trabalhando até agora, Ele não descansa.


"Quem, senão Deus?" Os fariseus perguntam corretamente: "Quem, a não ser Deus, pode perdoar o pecado?" Sim, quem? Certamente, o filho do carpinteiro de Nazaré acaba de Se revelar como sendo Deus dizendo: "Seus pecados estão perdoados". Uma palavra tão simples foi pronunciada por Cristo: "Levante-se". Neste momento, quando os incrédulos se levantaram diante de todos e louvaram a Deus, a palavra do profeta Isaías foi cumprida: "Então o coxo pula como um cervo" (Isaías 35: 6).


"Hoje vimos algo incrível". Como podemos nos preparar para o encontro com o Filho de Deus neste Natal, que se tornou homem para a nossa salvação? Qual era o segredo que aprendemos destas pessoas que mesmo diante das incapacidades, tiveram um encontro com Cristo, o qual mudou para sempre a suas vidas? 


O paralítico não procurou a Cristo sozinho, nem podia. Sua fé foi apoiada pelos seus amigos. Apenas juntos e com muito esforço foi que este homem enfermo pode se aproximar de Jesus. 
Jesus perdoa seus pecados e faz o milagre quando vê sua fé. Nós também devemos buscar a Cristo, não só por nós mesmos, mas também para trazê-lo a todos a quem Deus misteriosamente confiou aos nossos cuidados. É interessante que quando compartilhamos a fé, mas ela se torna consistente. 


Devemos nos inspirar neste Natal a percebermos as pessoas que precisam se aproximar do Senhor e ajuda-los a superarem os obstáculos, assim como foi feito nos caso do homem paralítico. 
Que tenhamos a determinação de compartilharmos a nossa fé, a razão de sermos agraciados por Deus deve nos inspirar a levar está graça aos outros. Então nestes corações será “Natal”, momento em que Cristo nasce nos corações e liberta de toda paralisia existencial. 

Oração: Senhor, estamos em Tua presença, precisamos da Sua graça. Queremos agradecer-lhe muito por tudo o que nos tem dado como prova do Seu amor por nós. Amém.