Você está aqui: Página Inicial / Pastoral / Alimento de Fé / Alimento de Fé - 15/06/2018 - Deixando a Luz brilhar

Alimento de Fé - 15/06/2018 - Deixando a Luz brilhar

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”. João 3: 16.

 

Leia Marcos 16: 15 – 20.

 

Jesus sempre fez convites desafiadores aos Seus ouvintes. “Venha e Veja”; “Venha e siga-me”; “Venha e eu vos farei pescadores de homens”; “Venha a mim todos vos que estais cansados e sobrecarregados e eu vos aliviarei”. Quando Pedro percebe que Jesus vem andando sobe as águas logo, diz: “Senhor”, disse Pedro, “se és tu, manda-me ir ao teu encontro por sobre as águas”. Mateus 14: 28. Então imediatamente Jesus responde: “Venha”.


No texto de João está implícito um convite. Deus enviou Seu filho e espera que o aceitemos como Senhor absoluto de nossas vidas. E quando aceitamos este convite temos um encontro com a Luz, que dissipa todas as trevas. 
Quando lemos sobre a experiência da transfiguração, vemos que Pedro e João perceberam que as roupas de Jesus, se tornaram brancas como a luz. Era um resplendor e brancura que nenhum alvejante poderia produzir. Nós interpretamos este momento como sendo uma manifestação do interior do Mestre. Ele mesmo disse “Eu sou a luz do mundo” e quando andamos através D’Ele as trevas deste mundo não conseguem adentrar o nosso coração. Quão bom é estarmos na luz, pois através dela todo o medo se dissipa, sabemos pra onde caminhamos e mesmo que tivermos que enfrentar o perigo, enxergaremos que não estamos sozinhos. 


Quanto mais nos aproximamos da luz, que é Cristo, o presente de Deus para toda a humanidade, podemos conhecê-Lo e nos conhecer melhor. Neste momento podemos perceber que apesar das nossas imperfeições a luz de Cristo nos revela que através D’Ele podemos trilhar o caminho da santidade, rompendo com o pecado e a morte. Através da Luz obtemos conhecimento de quem é Jesus, e somos capacitados a realizarmos boas obras e assim nossos atos glorificarão a Deus. 


A ciência confirma que para enxergarmos, a córnea precisa focar a luz que chega aos olhos. Por essa razão é considerada a “janela dos olhos”. A cada manhã precisamos que a Luz do Senhor nos acompanhe, assim o nosso falar e o meditar do nosso coação serão agradáveis ao Pai Celestial. Então poderemos desfrutar de Sua doce presença, e assim não haverá mais espaço a não ser pela graça do Senhor.

 

Oração: Senhor obrigado, por nos ter dado o Teu Filho Amado e pelo convite para andarmos na luz do Seu amor. Que a cada momento possamos ter a Tua Luz e assim enxergarmos cada vez melhor, até a chegar a ser dia perfeito. Amém.