Você está aqui: Página Inicial / Pastoral / Alimento de Fé / Alimento de Fé - 23/10/2018 - Loucos por Cristo!

Alimento de Fé - 23/10/2018 - Loucos por Cristo!

“Em um certo dia de sábado, enquanto Jesus caminhava pelos campos, onde se plantavam cereais, seus discípulos começaram a colher e a debulhar espigas com as mãos, e se alimentavam dos grãos”. Lucas 6: 1.
Alimento de Fé - 23/10/2018 - Loucos por Cristo!

  

Leia Lucas 6: 1 – 5.        

         

Na vida cristã algo que é essencial é a humildade, através dela reconhecemos que sempre podemos melhorar, nossa busca é pela excelência, a plenitude em Cristo Jesus.

            Por vivermos uma vida com o padrão divino, sempre seremos testados e questionados pelas pessoas que nos cercam a respeito de nossas ações. Os fariseus perguntaram aos apóstolos de Cristo: "Por que você está fazendo algo que é proibido no sábado para fazer?"

Se quisermos levar a sério o nome de cristãos, sempre estaremos sujeitos a auditoria: “Antes, santificai a Cristo, como Senhor, em vosso coração, estando sempre preparados para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em vós”. I Pedro 3: 15.  

            Não acendemos uma vela para depois esconde-la. Às vezes nos esquecemos de quão alto nossas ações falam. Estamos conscientes do impacto da nossa lealdade ou a nossa hipocrisia, nosso conformismo ou não-conformidade para com as pessoas deste mundo.

Os apóstolos provavelmente não poderiam ter respondido adequadamente para os fariseus. Para eles, bastava que Cristo estivesse com eles e aprovasse seu comportamento. Cristo então vem em seu auxílio e responde por eles.

Quando fazemos coisas com Cristo e por Ele, muitas vezes as pessoas questionarão. Haverá muitas pessoas, mesmo entre os seguidores de Cristo que não entenderão os nossos motivos.

Como Cristo, devemos declarar com humildade e paciência. Devemos tentar ajudar às pessoas a expandir seu horizonte cognitivo em uma atitude de respeito mútuo e amor. Se somos convidados, nós temos que lutar contra a tendência natural para não nos tornarmos defensivos ou reagir como se fôssemos vítimas incompreendidas.

Também não é útil questionar os motivos que levam as pessoas a rejeitarem a Cristo. Em vez disso, devemos sempre orar, para que através de uma ação sobrenatural do Espírito Santo, as pessoas sejam inspiradas por um desejo sincero para buscarem o bem, estando dispostos e abertos para a verdade que é Cristo.

            Isto pode parecer loucura, mas foi assim que o Reino de Deus começou e continua sendo. As coisas espirituais são totalmente diferentes dos padrões e esquemas deste mundo. “Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente”. I Coríntios 2:14

 

 

 Oração:  Senhor, que possamos viver a loucura do evangelho, do a “doidice” deste mundo. Que através da Tua presença, possamos refletir a Tua graça e poder, sendo e fazendo discípulos. Amém.